Banner 5 Blog
TABLET Banner 5 Blog
MOBILE Banner 5 Blog

O que é anti-pishing e como ajuda na segurança do site da empresa?

antipishing granito

Compartilhar:

A tecnologia trouxe muitas vantagens, permitindo que as empresas agilizem seus processos e acessem ferramentas valiosas que garantem mais eficiência e produtividade. Porém, os criminosos fazem uso de recursos digitais para ameaçar a segurança no mundo corporativo. Conseguem, assim, capturar dados sigilosos e praticar fraudes que podem comprometer o patrimônio e a imagem da empresa.

O phishing é uma das formas mais comuns pelas quais os hackers conseguem dinheiro, assumindo uma falsa identidade para ganhar a credibilidade da potencial vítima. Nesse sentido, é fundamental adotar medidas protetivas, como o anti-phishing. Ficou curioso em saber mais? Continue a leitura e veja detalhes de como essa solução ajuda na segurança do seu site!

O que é phishing?

O phishing é uma ameaça cada vez mais comum no mundo digital e representa um grande risco para a segurança das informações pessoais e financeiras dos usuários.

É uma prática criminosa que engana as pessoas para que revelem informações confidenciais, como senhas, números de cartão de crédito e dados bancários, por meio de mensagens de e-mail, SMS, redes sociais ou sites falsos que se passam por entidades confiáveis, como instituições financeiras, empresas ou órgãos do governo.

Os impactos do phishing podem ser devastadores, tanto para indivíduos quanto para empresas. Quando um usuário cai em um golpe de phishing e fornece informações confidenciais, ele corre o risco de ter suas contas bancárias invadidas, ser vítima de roubo de identidade, sofrer prejuízos financeiros e até mesmo ter sua reputação prejudicada.

Além disso, as empresas também sofrem com os ataques de phishing, pois podem ter suas informações sensíveis comprometidas, sofrer prejuízos financeiros e danos à sua reputação.

Além disso, o phishing também pode ser utilizado como forma de propagação de malwares, como vírus, ransomware e spyware, que podem causar danos ainda maiores aos usuários e empresas. Quando os criminosos obtêm acesso às informações sensíveis, eles podem explorar esses dados para cometer fraudes, extorsões e outros crimes cibernéticos.

Quais são os tipos de phishing?

Existem vários tipos de phishing, e é importante estar ciente deles para poder identificar e evitar cair em armadilhas online. Abaixo estão alguns dos tipos de phishing mais comuns.

Phishing por e-mail

É o tipo mais comum de phishing, em que os criminosos enviam e-mails falsos que se parecem com comunicações legítimas de empresas ou organizações conhecidas.

Esses e-mails geralmente pedem que o destinatário clique em um link e insira informações pessoais, como senhas ou números de cartão de crédito.

Phishing por SMS

Também conhecido como smishing, envolve o envio de mensagens de texto falsas que solicitam informações pessoais ou pedem para clicar em links suspeitos.

Phishing por telefone

Os criminosos ligam para as vítimas, passando-se por representantes de empresas legítimas, e pedem informações confidenciais, como números de cartão de crédito ou senhas.

Phishing de redirecionamento

Esse tipo de phishing abrange a criação de sites falsos que se parecem com sites legítimos, como páginas de login de bancos ou lojas online.

Os usuários são direcionados para esses sites por meio de links em e-mails ou mensagens de texto.

Spear phishing

Nesse tipo de phishing, os criminosos pesquisam informações sobre indivíduos ou empresas específicas e personalizam os ataques para aumentar a probabilidade de sucesso.

Isso pode incluir o uso de informações pessoais ou profissionais para tornar os e-mails ou mensagens de phishing mais convincentes.

Quais são as estratégias e práticas usadas contra a ameaça de phishing?

Vamos apresentar a seguir alguns tipos de ferramentas e práticas anti-phishing que ajudarão na gestão de segurança cibernética da empresa e, de forma mais específica, na segurança do site, garantindo a proteção de dados sensíveis.

Filtros de e-mail

Os filtros de e-mail podem ajudar a detectar e bloquear e-mails de phishing antes que cheguem à caixa de entrada dos usuários.

Esses filtros podem ser configurados para analisar o conteúdo dos e-mails em busca de indicadores de phishing, tais quais os links suspeitos e anexos maliciosos.

Monitoramento de domínios semelhantes

Outra estratégia anti-phishing eficaz é o monitoramento e, caso algo seja realmente encontrado, o bloqueio de domínios semelhantes ao da empresa para evitar ataques que utilizam URLs falsas.

Autenticação multifator (MFA)

A segurança é reforçada pela implementação da autenticação multifator, que requer múltiplas formas de comprovação de identidade, adicionando um nível adicional de proteção.

Isso pode ajudar a proteger as contas contra ataques de phishing, mesmo se as credenciais de login forem comprometidas.

Atualizações de software

Manter o software e os sistemas operacionais atualizados é essencial quando se fala em proteção anti-phishing. As atualizações constantes auxiliam a corrigir as eventuais debilidades de segurança que os hackers possam explorar.

Certificados SSL

Os certificados SSL (Secure Sockets Layer) e TLS (Transport Layer Security) ajudam a proteger as informações transmitidas pela internet, como informações de login e detalhes de cartão de crédito.

Ao implementar certificados SSL/TLS em um site, os proprietários podem ajudar a proteger os visitantes contra ataques de phishing que visam roubar informações confidenciais.

Ferramentas de proteção contra phishing

A empresa pode ainda utilizar ferramentas especializadas que identificam e bloqueiam sites de phishing em tempo real. Essas ferramentas podem analisar URLs e conteúdos de páginas em busca de características suspeitas.

Políticas de senhas fortes

A implementação de senhas fortes consiste em atualizá-las regularmente, incentivando o uso de combinações de letras, números e caracteres especiais.

Verificação de identidade

Para evitar ataques de phishing, a empresa também pode implementar processos de verificação rigorosos para solicitações de informações sensíveis, especialmente por e-mail. Isso ajuda a confirmar a legitimidade das solicitações.

Relatórios de phishing

Finalmente, vale encorajar os usuários a relatar imediatamente qualquer e-mail ou site suspeito. É importante estabelecer procedimentos para a análise rápida e a resposta a esses relatórios.

Como realizar a gestão de práticas e ferramentas anti-phishing?

Existem várias medidas de segurança que podem ser implementadas para proteger os dados sensíveis contra ataques de phishing.

Uma das maneiras mais eficazes de combater o phishing é educar os usuários sobre como identificar e evitar ataques, o que pode incluir a realização de treinamentos regulares de conscientização sobre segurança cibernética, simulações de phishing e a distribuição de materiais educativos.

Ao combinar o treinamento de conscientização, filtros de e-mail, autenticação multifator, atualizações de software, certificados SSL e as demais práticas apresentadas acima, as organizações podem reduzir significativamente o risco de serem vítimas de phishing e proteger seus dados sensíveis. Além disso, protegem também os usuários de seus sites, garantindo mais confiabilidade para a marca.

A implementação de uma abordagem abrangente e em camadas para a segurança online é de máxima importância para otimizar a segurança cibernética. Combinar várias técnicas anti-phishing ajuda a criar uma defesa mais robusta contra ameaças digitais.

Esteja sempre um passo à frente dos criminosos cibernéticos! Mantenha-se atualizado e use ferramentas e estratégias que garantam mais proteção aos dados de sua empresa. Confira agora 7 formas de proteger seu negócio com segurança digital!

Artigos mais lidos

Tópicos

Granito, a máquina certa
para seu negócio

Receba os conteúdos da Granito

Fique por dentro de todos os conteúdos em primeira mão!

Sem spam. Desinscreva-se a qualquer momento.