BLOG

Não sabe como montar um delivery? Confira 4 passos!

como montar um delivery

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Entre tantas modalidades no mundo dos negócios, entender como montar um delivery é uma das maiores demandas atualmente. Não é por menos, afinal, a pandemia causada pelo coronavírus provocou grandes impactos econômicos regionais e mundiais, obrigando a todos os empreendedores a repensarem a forma como conduzem as suas operações e estratégias comerciais.

O objetivo deste artigo é apresentar o caminho mais eficiente para montar um delivery. Para isso, vamos entender mais sobre o momento atual e os motivos que levaram a popularização desse novo hábito de consumo. Por fim, vamos apresentar também algumas dicas importantes para quem deseja começar a atuar nessa modalidade. Curioso? Então continue a leitura!

Por que o delivery se popularizou ao longo dos anos?

O mercado de delivery cresceu a passos largos nos últimos anos devido às facilidades que proporciona ao consumidor. Evitar filas e o trânsito caótico são alguns exemplos dos benefícios do delivery. A comodidade e a praticidade de comprar a distância e receber os produtos no conforto do lar também são facilidades que atraem cada vez mais adeptos.

No entanto, o crescimento dos deliveries sofreu um verdadeiro boom no último ano devido à pandemia. Em uma tentativa de conter a disseminação do vírus, controlar a situação de caos e reduzir o estresse sobre o sistema de saúde, as autoridades lançaram mão de medidas fortes, como restrições ao funcionamento das atividades comerciais.

A partir desse cenário, as compras via delivery se tornaram a melhor alternativa para a proteção individual, pois evitaram a exposição à contaminação e favoreceram o distanciamento social. Outras medidas mais extremas, como os lockdowns, ou mesmo a redução do tempo de funcionamento de lojas e do comércio de maneira geral, também contribuíram para que pessoas não tão acostumadas ao delivery passassem a adotar esse tipo de compra. Como resultado, as compras por delivery cresceram 59% desde o início das medidas de isolamento social.

Dessa forma, diferentes segmentos, como pet shops, limpeza, restaurantes, mercados, papelarias e outros, tiveram que incorporar ou impulsionar a participação das vendas via delivery em seu modelo de negócio, para conseguir manter as suas operações. Como resultado, hoje temos um mercado muito aquecido para o delivery e clientes cada vez mais adaptados ao consumo frequente por meio dessa modalidade, o que traz grandes oportunidades para empreendedores atentos a esse contexto.

Qual o passo a passo para montar um delivery?

Agora que você está ciente das necessidades e oportunidades que a pandemia gerou para o mundo dos negócios a distância, chegou o momento de entender como montar um delivery. Confira a seguir os 4 passos fundamentais que você precisa seguir para aumentar as suas chances de sucesso nessa empreitada, seja começando um novo negócio delivery do zero ou adaptando uma empresa já existente para esse novo modelo de vendas.

1. Monte um planejamento

O planejamento é o início de qualquer atividade bem-sucedida. Para começar a atuar com o delivery em sua empresa ou iniciar um negócio do zero com esse tipo de operação, é preciso começar organizando tudo o que será necessário para a atividade e as etapas de execução. Rever cada etapa do seu plano de negócio ou mesmo construir um novo documento é uma dica muito válida nesse sentido.

Portanto, comece definindo os objetivos que pretende alcançar que justificam a adoção dessa nova estratégia. Por exemplo, manter o nível de faturamento devido às restrições de funcionamento da loja física ou aumentar a taxa de crescimento da empresa, incrementando com o delivery um maior % na receita das vendas já no primeiro mês.

Em seguida, é necessário descrever todos os processos que serão necessários para efetivar cada objetivo, como a adequação da estrutura, os canais de comunicação, as formas de entrega, as contratações, os métodos de pagamentos, entre outros. Ao fazer isso, você conseguirá ter uma visão geral do resultado que pretende obter e das atividades que precisam ser executadas para tal.

2. Adapte o ambiente e a estrutura

Para incorporar o delivery à sua empresa, é importante que ele funcione quase como um “negócio à parte”, devido às suas características e peculiaridades. Portanto, estabeleça recursos (humanos, financeiros e físicos) específicos para o atendimento ao público, o processamento dos pedidos, a entrega e o pós-venda.

Caso sejam necessárias reformas prediais ou aquisições para adaptação (por exemplo, compra de veículos para entrega, aquisição de insumos e embalagens para o envio de produtos ou novas contratações dedicadas), garanta que haja viabilidade financeira em cada decisão tomada, ou seja, fique atento se os retornos projetados pagarão por cada investimento efetuado.

3. Treine os colaboradores

Definida a estratégia, realocados os recursos financeiros e materiais e organizados todos os processos, chegou o momento de adaptar os colaboradores à nova forma de atuação da empresa. Sendo assim, é necessário investir em cursos e treinamentos, pois apenas eles garantem a qualificação para exercício das atividades, a manutenção de um ritmo de trabalho e a preservação de um nível de qualidade adequado para a satisfação do consumidor.

Outra vantagem dos treinamentos é a disseminação das melhores práticas observadas no dia a dia da operação entre todos os membros da equipe. Portanto, não negligencie essa etapa, pois ela tem um grande impacto nos resultados que se pretende obter.

4. Conte com bons parceiros

Outro item essencial sobre como montar um delivery é ficar atento à qualidade dos seus parceiros comerciais, que podem agregar soluções relevantes. Aplicativos de compras, redes sociais e marketplaces de nicho servem como ferramentas importantes para receber pedidos e divulgar a sua empresa no mercado.

Desenvolver estratégias de promoção e publicidade é ainda mais importante caso você esteja começando um delivery do zero, pois precisa comunicar sua existência ao mercado e atrair os primeiros clientes.

Fornecedores de meios de pagamento e entrega de pedidos são outros exemplos de parceiros que precisam ser criteriosamente escolhidos, a fim de evitar dores de cabeça no futuro. Contar com serviços de entrega terceirizados pode ser uma ótima solução para reduzir custos, mas é preciso ter cuidado com a qualidade dos serviços e as recomendações que eles têm de outras empresas.

Já os sistemas de pagamento são ainda mais importantes, pois fazem a intermediação das transações, devendo ser os mais vantajosos possíveis tanto para o cliente como para a empresa.

O que é essencial em um delivery?

Seguindo os passos apresentados, as chances de começar bem um novo negócio delivery ou adaptar a sua empresa a essa modalidade são muito altas. No entanto, no gerenciamento diário, é preciso que você esteja atento a itens fundamentais que têm grande influência em toda a operação de um delivery.

O primeiro e mais importante deles são as máquinas de pagamentos utilizadas para efetivar as transações. Tais máquinas precisam ser adquiridas com fornecedores de qualidade, capazes de aceitar diferentes bandeiras, proporcionar facilidades financeiras e agregar vantagem competitiva ao negócio. 

Adotar um CRM (Sistema de Gerenciamento de Clientes) também é importante, pois o registro de cada compra e o perfil de consumo do cliente podem gerar insights valiosos para aprofundar o relacionamento e criar campanhas de fidelização e promoções.

Além disso, os canais de comunicação e suporte precisam funcionar com um alto padrão de qualidade a fim de evitar perdas de pedidos e não causar frustrações nos clientes. Por fim, a velocidade de entrega também é um fator que impacta diretamente a experiência de compra e por isso também merece uma atenção especial.

Como podemos observar até aqui, a pandemia de Covid-19 obrigou as empresas de diferentes segmentos a se adaptarem à nova realidade e a reinventarem os seus processos, a fim de suprir as necessidades de consumo dos seus clientes. Porém o mercado de delivery e vendas on line crescem vertiginosamente nos últimos anos, independente da pandemia.

Assim, aprender sobre como montar um delivery em qualquer nicho é fundamental para expandir o atendimento e ampliar os canais de vendas das empresas já estabelecidas. Da mesma forma, para os empreendedores que procuram por novas oportunidades, a modalidade delivery também representa um mercado muito promissor para investimento, devido aos novos hábitos de consumo incorporados pelos clientes.

A máquina Granito pode ajudar muito no seu negócio, pois pagamentos com cartão são o principal meio de pagamentos em entregas por delivery.

E então, gostou do artigo? Conseguiu entender por que montar um delivery pode ser uma tarefa desafiadora, mas de grande potencial? Aproveite para curtir a nossa página no Facebook e continuar recebendo conteúdos relevantes para o seu crescimento.

Artigos mais lidos

Tópicos

Granito, a máquina certa
para seu negócio

Receba os conteúdos da Granito

Fique por dentro de todos os conteúdos em primeira mão!

Sem spam. Desinscreva-se a qualquer momento.