{Nosso Blog}

Acompanhe as novidades do nosso mercado e as dicas dos nossos especialistas em primeira mão.

Como adotar o modelo de melhorias na empresa?

modelo de melhoria

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter

Encontrar maneiras de aprimorar as operações de um negócio é algo imprescindível em tempos tão competitivos, independentemente do segmento de mercado. Por isso, empreendedores que anseiam pelo sucesso, não podem deixar de aprender a como adotar o modelo de melhorias mais adequado para a empresa.

Trata-se de uma estratégia extremamente vantajosa, que vem sendo empregada em muitos locais e pode mudar a maneira como você gerencia seu empreendimento, realiza seus investimentos e toma suas decisões. Ficou interessado no assunto? Então, continue lendo o post e descubra como fazer isso!

Qual o conceito de modelo de melhorias?

O chamado modelo de melhorias pode ser definido como uma estratégia na qual se utilizam estudos e habilidades para que sejam estruturados projetos de aprimoramento dos processos internos de uma empresa. É algo válido para empreendimentos de qualquer tamanho, podendo ser aplicado nas áreas de marketing, vendas, fabricação e assim por diante.

É preciso que a gestão e os colaboradores estejam envolvidos em sua implementação, de forma que todos atuem em prol de significativos ganhos em termos de qualidade. Em um cenário tão competitivo quanto o atual, isso pode ser a diferença entre ter bons lucros no final do mês ou ter que fechar as portas, sobretudo, quando pensamos em pequenos negócios.

Como funciona o modelo de melhorias?

O modelo de melhorias pode ser adaptado e encarado de formas distintas, de acordo com a realidade e as características do negócio. No entanto, existe uma definição mais recorrente, que divide a estratégia em duas partes de igual relevância. A primeira está relacionada com a reflexão, ou seja, com o que se pretende realizar e como isso vai melhorar a empresa.

Nesse sentido, também vale refletir o que trará, de maneira efetiva, um resultado de aperfeiçoamento. Depois, chega o momento da ação propriamente dita, com os aprendizados que ela trará. É preciso compreender que todo esforço de melhoria deve ter um propósito — nem toda mudança resulta em melhorias, mas o aperfeiçoamento requer transformações.

Trazendo para um exemplo prático, podemos pensar em um restaurante. Se o proprietário decide aperfeiçoar o cardápio, ele precisa pensar em como isso impactará o empreendimento. Depois, ele deve debater com os colaboradores, que podem sugerir ideias. Ao implementá-las, é preciso avaliar se deram certo ou se o modelo anterior funcionava melhor.

Qual a importância do modelo de melhorias?

O modelo de melhorias pode ser importante nos mais variados sentidos dentro de uma empresa. Ele ajuda, por exemplo, a otimizar a implementação de novidades no empreendimento, sendo útil no aprendizado organizacional e auxiliando a organizar boas práticas que elevam o nível de qualidade em curto, médio e longo prazos.

Além disso, como a estratégia demanda análise e melhores níveis de conhecimentos internos, é natural que ela ajude a identificar causas de desperdício e, com isso, promova uma redução de custos. O aprimoramento também tende a favorecer o aumento do valor dos produtos e serviços, algo que é crucial para a competitividade do negócio.

O modelo de melhorias, em última instância, acaba ajudando a incorporar uma cultura de excelência, um diferencial que vem sendo evidenciado em muitas marcas que lideram os seus respectivos mercados de atuação. Por isso, se você deseja o sucesso e anseia por crescimento, é altamente recomendável que você não abra mão desse diferencial.

Como implementar o modelo de melhorias?

Agora que você já está mais familiarizado com o conceito de modelo de melhorias, entendeu melhor como ele funciona e viu alguns dos seus impactos dentro de uma empresa, é natural que esteja querendo implementá-lo no seu negócio. Por isso, separamos algumas dicas para que você consiga fazer isso de forma altamente eficaz. Acompanhe.

Faça um planejamento estratégico

Como dissemos, o primeiro passo para a elaboração de um modelo de melhorias consiste em uma reflexão sobre a empresa e suas necessidades. Para fazer isso, um planejamento estratégico é muito importante, pois ele ajuda a definir metas e objetivos, demandando técnica para que possa ser mais bem elaborado.

Você precisará observar o histórico de resultados passados, de aspectos como o marketing, financeiro, vendas, compras, recursos humanos e assim por diante. Isso permite contextualizar o cenário e definir o estabelecimento daquilo que você realmente precisa no negócio, objetivando a mobilização adequada de recursos e a implementação de ações de sucesso.

Não deixe de organizar as finanças

É muito difícil pensar em um modelo de melhorias sem estar com as finanças organizadas. Afinal, mesmo que você decida partir para caminhos que não demandem grandes investimentos, é bastante provável que a empresa e seus colaboradores encontrem maiores dificuldades se o aspecto econômico não estiver em pleno equilíbrio.

Sendo assim, você não pode deixar de fazer uma boa avaliação das suas principais despesas, entendendo quais são cruciais e quais podem ser minimizadas. Também vale a pena observar as entradas de recursos, ponderando sobre suas principais fontes de lucro e como você pode maximizá-las. A partir disso, você poderá definir orçamentos e começar a adotar as ações.

Utilize ferramentas tecnológicas

Nos dias de hoje, quem abre mão de ferramentas tecnológicas, definitivamente, tem mais chances de perder clientes e dinheiro para os concorrentes. Existem ferramentas com excelente custo-benefício, que podem ajudar qualquer gestor a conhecer a fundo o seu negócio e, com isso, ajudar a adotar o modelo de melhorias na empresa.

Entre as opções mais interessantes e populares, estão os sistemas de gestão. Eles permitem centralizar todos os dados e informações relevantes em um só local, com total segurança e praticidade. Além disso, dependendo das funcionalidades disponíveis, é possível fazer a administração financeira, avaliar individualmente os funcionários, criar relatórios e muito mais.

Depois de conferir esse conteúdo, você está pronto para adotar o modelo de melhorias na empresa. Avalie suas reais necessidades, reflita com tranquilidade e, depois, parta para a ação! Você vai sentir a diferença tanto na produtividade dos seus colaboradores quanto no impacto que ela terá em seus ganhos e na satisfação do cliente.

Gostou de aprender mais sobre o modelo de melhorias? Então, confira também nosso outro post que fala sobre a gestão financeira para pequenas empresas!